0800-717-7728
Seg-Sex 8:00h as 20:00h
Sáb 8:00 as 14:00

Como iniciar seu planejamento financeiro e melhorar as finanças!

Como iniciar seu planejamento financeiro e melhorar as finanças_VABVocê pode pensar que ainda tem toda a sua vida à frente muito tempo para se planejar financeiramente. O problema é que poucos realmente o fazem. Segundo o SPC Brasil, apenas metade dos brasileiros fazem um planejamento financeiro.

Mesmo aqueles que economizam uma porcentagem decente do que ganham, raramente planejam o futuro como deveriam. Mas a boa notícia é que ainda dá tempo de alcançar seus objetivos financeiros se você começar agora!

Pensando em te ajudar com essa tarefa, abaixo explicamos algumas dicas que o ajudarão a fazer seu planejamento financeiro e ter uma aposentadoria confortável. Acompanhe!

Defina seus objetivos para um bom planejamento financeiro

Você precisa decidir exatamente o que é que você quer das suas finanças e o que elas deverão alcançar. Uma vez que você estabelecer metas, será uma questão de criar um plano sobre como você vai chegar lá.

Por exemplo, você tem filhos que precisarão ir para a faculdade? Se assim for, você terá que economizar para que você tenha dinheiro disponível para que isso aconteça.

A que idade você espera se aposentar? Isso vai ajudá-lo a decidir quanto tempo você precisa economizar, e depois estabelecer o quanto você pode economizar para atingir esse objetivo.

Você quer sair completamente das dívidas? Se assim for, terá que somar toda a dívida que você tem e determinar o quanto você tem disponível para pagar por mês e quanto tempo demorará.

Faça seu controle financeiro mensalmente

Não há como evitar o fato de que qualquer tipo de planejamento financeiro vai exigir que haja uma poupança em suas finanças. Se o seu objetivo é se aposentar em um certo ponto de sua vida, ou para pagar seu financiamento imobiliário, por exemplo, você precisará de dinheiro extra para tornar esse objetivo uma realidade.

É por isso que um controle financeiro é tão importante. Muitas pessoas ignoram esse passo e essa é a razão pela qual eles nunca conseguem qualquer tipo de metas financeiras significativas.

O controle financeiro permite que você veja exatamente quanto dinheiro gasta a cada mês, comparado com o valor da renda que você ganha. Isso vai ajudá-lo a ver onde você está gastando muito dinheiro e onde você poderá fazer alguns cortes que lhe permitirão direcionar o dinheiro para onde deseja.

Corte despesas

Depois de ter feito seu controle financeiro, você saberá exatamente onde seu dinheiro está indo e poderá redirecionar o fluxo de seu dinheiro. Você pode começar por identificar as despesas necessárias.

Esses são itens do seu orçamento indispensáveis, como aluguel ou parcela de financiamento imobiliário, condomínio, água, luz, internet, entre outros. Você pode pensar nisso como sendo despesas não negociáveis.

A próxima categoria pode ser despesas importantes, mas as que você tem um grande controle. Isso pode incluir mantimentos, utilitários e despesas relacionadas ao trabalho ou à escola. Todos são necessários, mas você tem a capacidade de reduzir essas despesas pelo menos até certo ponto.

A terceira categoria é pura despesa discricionária. Isso inclui entretenimento, férias e compras recreativas. Estes podem ser desejáveis, mas não são necessários. Estas são despesas que você pode eliminar completamente, sem ameaçar sua sobrevivência.

Uma vez que você coloca suas despesas nas categorias adequadas, você estará em condições de fazer reduções ou cortes completos. Por exemplo, você pode reduzir suas despesas importantes, mas eliminar completamente uma ou mais de suas despesas discricionárias.

Se livre das dívidas

Dívidas são um problema para qualquer planejamento financeiro. Por isso, antes de efetivamente conseguir juntar dinheiro, é preciso se preocupar em como se livrar delas.

Para algumas pessoas, o corte de despesas será capaz de cobrir as dívidas acumuladas e eliminá-las. Mas, caso isso não seja possível em um curto prazo, a melhor solução é fazer um empréstimo pessoal online.

Com menos burocracia do que um empréstimo junto ao banco, os empréstimos online oferecem a comodidade de fazer a simulação das suas parcelas e o pedido sem sair de casa. A análise é feita em poucas horas, o que garante também que o dinheiro caia na sua conta mais rápido.

Crie um fundo de emergência

A próxima e última ordem do dia é criar um fundo de emergência, que é basicamente uma conta poupança que represente o seu dinheiro líquido. A ideia é tê-lo disponível para quando uma despesa inesperada surgir ou quando houver uma interrupção de renda.

Isso permitirá que você enfrente uma tempestade financeira de curto prazo e fique mais tranquilo durante períodos turbulentos. A regra geral sobre um fundo de emergência é que ele contenha dinheiro suficiente para cobrir 3 a 6 meses de despesas de vida.

 

Leia Mais

Quando um empréstimo pessoal online é uma boa opção?

Quais os principais tipos de serviços financeiros online?


Qual valor do seu empréstimo?
R$
Em qual prazo?
días
Valor do empréstimo
R$
Data do último pagamento
Parcela mensal
R$

Informações adicionais do produto: o prazo de pagamento mínimo é de 3 meses e o máximo de 12 meses e o Custo Efetivo Total (CET) pode variar de 294% a 5050% ao ano. Exemplo: Empréstimo de R$3.000,00 para pagar em 12 meses. Total de 12 parcelas de R$487,38 com valor total a pagar de R$5.848,56; IOF de R$11,20; tarifa somente para o primeiro empréstimo de R$79,00; taxa de juros de 11,7% a.m.; taxa de juros anual de 621,38% a.a. e CET de 277% a.a.