0800-717-7728
Seg-Sex 8:00h as 20:00h
Sáb 8:00 as 14:00

Saiba como se livrar das dívidas

Saiba como se livrar das dívidasDívidas são fáceis de acumular, mas quando acontece um imprevisto ou falta organização fica difícil se livrar delas. Se você está enfrentando problemas financeiros, montamos um guia simples para te ajudar a se livrar das dívidas de uma vez e não voltar a cair na mesma situação.

O principal é ter um plano e se organizar bem, conforme as etapas abaixo. Confira e se prepare para mudar sua vida financeira.

Conheça sua renda mensal e quanto terá disponível

Tão importante quanto conhecer o valor da dívida é saber qual a sua renda mensal e quanto dela poderá usar para pagar suas dívidas. Assim, você se organizará sabendo o quanto terá para negociar com os credores, se pagará à vista ou em parcelas.

Quando pensar no pagamento em parcelas, pense em uma forma que caiba com tranquilidade no seu orçamento. Para isso, além de saber a renda, que é o seu salário, você precisa saber o quanto costuma gastar por mês com o básico, como contas de água, luz, telefone e mercado. O valor que você terá disponível para quitar a dívida deve ser apenas o que sobra de dinheiro depois de pagar o básico. Se você contar com um valor maior como dinheiro disponível, no futuro ficará com a conta no vermelho e terá uma nova dívida.

Salário – Contas básicas (água, luz, supermercado etc) = dinheiro disponível

Quando terminar de pagar as parcelas da dívida ou do empréstimo, você vai ver como valeu a pena fazer o planejamento: terá se livrado das dívidas e ainda terá um conhecimento de finanças mais apurado do que antes.

Conheça as opções de pagamento das dívidas

Procure seus credores e saiba se é possível renegociar a dívida para pagar em parcelas menores. Caso o credor não te ofereça uma opção que seja viável para você, avalie as outras opções de crédito que você pode ter.

Por exemplo, você pode solicitar um empréstimo pessoal online, de forma rápida e prática. Assim, você descobre se pode ter o valor total necessário para quitar a dívida, de forma que consiga pagar as parcelas à prazo com o que tem disponível na sua renda.

Transforme várias dívidas em uma

Quanto menos contas você tiver de gerenciar, mais fácil organizar as finanças. Se você tem dívidas com vários credores e não tem dinheiro para quitar todas de uma vez, pode considerar um empréstimo pessoal para pagá-las.

Ao fazer isso, você troca várias dívidas em uma só, com a empresa que te forneceu crédito. São vários os benefícios ao fazer isso. Primeiro, ao pagar dívidas antigas, você volta a ter o nome limpo. Além disso, se livra de cobranças e preocupações com várias contas e pode pagar apenas as parcelas do empréstimo todo mês.

Considere transformar bens em dinheiro

Existem vários sites na internet que comercializam bens usados. Pode ser um carro, itens de decoração que você não precisa e até roupas em bom estado que não usa mais: tudo o que for anunciado e vendido pode se reverter em dinheiro na sua conta.

Fazendo isso, além de conseguir um dinheiro extra, você colabora com pessoas que precisam dos bens a um preço menor ou se preocupam com o impacto ambiental da produção de itens novos pela indústria. O bolso e o planeta agradecem.

Mantenha suas finanças em ordem!

Agora que você já sabe quais são as suas dívidas e quais as condições de pagamento, pode montar o plano de pagamento. Como vimos aqui, uma negociação à prazo ou um empréstimo pessoal podem te ajudar a quitar as dívidas e limpar o seu nome. É possível até mesmo um empréstimo pessoal online. Para facilitar, você pode fazer simulações online e até ter o dinheiro na conta em algumas horas, pelo site da MoneyMan.

Depois de pagar as dívidas, a dica é continuar com as contas bem organizadas, sabendo sempre qual a sua renda e os seus gastos mensais. Se possível, ao terminar o pagamento da dívida, pense em continuar reservando uma parte da renda, mas em uma poupança ou outra forma de investimento. Com o que ficar nessa reserva, você terá dinheiro para futuros gastos imprevistos e evita ficar endividado ou com o nome sujo.

 

Leia Também:

Como fazer um empréstimo pessoal online

Pagar suas contas em dia: saiba porque você deve fazer isso!


Qual valor do seu empréstimo?
R$
Em qual prazo?
días
Valor do empréstimo
R$
Data do último pagamento
Parcela mensal
R$

Informações adicionais do produto: o prazo de pagamento mínimo é de 3 meses e o máximo de 12 meses e o Custo Efetivo Total (CET) pode variar de 294% a 5050% ao ano. Exemplo: Empréstimo de R$3.000,00 para pagar em 12 meses. Total de 12 parcelas de R$487,38 com valor total a pagar de R$5.848,56; IOF de R$11,20; tarifa somente para o primeiro empréstimo de R$79,00; taxa de juros de 11,7% a.m.; taxa de juros anual de 621,38% a.a. e CET de 277% a.a.