Por que não tive meu pedido de empréstimo aprovado?

Você precisou de um dinheiro extra, viu que o empréstimo pessoal online poderia ser sua salvação, faz o pedido e foi recusado. Agora o desespero bate e você não sabe mais o que fazer, certo? Errado! Sua solicitação pode não ter sido aprovada por diversos motivos e entendê-los é o primeiro passo para saber o que fazer e ter seu novo pedido de empréstimo aprovado.

Pensando nisso, separamos abaixo uma listinha com algumas das razões que podem fazer uma solicitação ser reprovada. Acompanhe conosco e veja como melhorar seu perfil para que, em uma nova tentativa, você não tenha mais problemas!

O que impacta na aprovação do pedido de empréstimo?

Logo após fazer a solicitação de um empréstimo pessoal online, você recebe um e-mail com o retorno dela. Pode ser “aprovado”, “recusado” ou “em verificação”.

No último caso, a financeira vai te contatar para confirmar alguns dados para garantir a veracidade dos dados cadastrados. Caso tenha sido aprovado, o dinheiro vai cair na sua conta em questão de horas. Agora, no caso dos pedidos recusados, nem sempre você será informado do motivo exato.

Por isso, abaixo listamos alguns dos principais fatores que impactam sua avaliação para ter um pedido de empréstimo aprovado, veja só:

Score de crédito

O primeiro ponto avaliado é o seu score de crédito. Ele pode variar de 0 a 1000 e representa o quão bom pagador você é. Você não tem acesso a como essa pontuação é calculada, mas ela vai variar conforme você paga suas contas em dia, mantém o seu cartão de crédito sem acumular juros ou a frequência com que contrata serviços financeiros.

Dados divergentes

Os dados informados são comparados com dados cadastrados em outras bases e se a financeira reconhecer algum indício de fraude, seu pedido também pode ser recusado. É importante fornecer todos os dados solicitados (mesmo se não forem obrigatórios) com informações mais atuais possíveis. Isso aumenta suas chances de ter seu pedido de empréstimo aprovado.

Outros empréstimos pendentes

Quem já tem outros empréstimos em seu nome também pode enfrentar dificuldades de solicitar um novo. É importante que o valor das parcelas das dívidas não ultrapasse 30% da sua renda, por isso fique atento. Faça um planejamento financeiro para saber melhor como os empréstimos podem se encaixar nos seus planos de estabilidade.

Valor do empréstimo

Por último, a financeira pode considerar que o valor do seu pedido de empréstimo está muito acima do que sua renda comporta. Aqui também vale a regra dos 30% e nada melhor do que controlar seus gastos e renda para saber qual seria uma quantia real para seu bolso.

Como ter meu pedido de empréstimo aprovado?

Seja qual for o motivo que barrou seu pedido de empréstimo, existem algumas coisinhas que você pode fazer para reverter a situação. Pagar suas contas em dia e evitar ao máximo utilizar o rotativo do cartão de crédito, por exemplo, ajuda a aumentar seu score.

Outro ponto é controlar suas finanças e tentar solicitar um valor de empréstimo mais baixo, com parcelas menores. Caso tenha outros empréstimos ou financiamentos pendentes, veja se é possível quitá-los antes de tentar uma nova solicitação.